(27) 3019-3600 | contato@guilhermemachado.com
Informações estratégicas para corretores de imóveis e análises sobre o mercado imobiliário
Icon post Publicado em 03/07/2012

Seja bem vindo à profissão corretor de imóveis

  • 93

Iniciar uma nova carreira é algo desafiante na vida de todo profissional.
Lembro-me em detalhes do começo da minha atuação como corretor de imóveis. Parece até que foi ontem, mas já se passaram 15 anos.

Muitas histórias, amigos, conquistas, dificuldades, desafios, aprendizados e experiências marcaram a minha trajetória e hoje, compartilho muito dessas vivências aqui no blog, uma forma que encontrei para contribuir com a evolução do mercado imobiliário que tanto me encantou e ainda me encanta a cada dia.

E hoje, de uma forma muito especial e até com uma dose de saudade, retomarei um pouco do início da minha carreira. Acolho a sugestão de um leitor do blog que pediu para que eu escrevesse sobre os novos entrantes nesta fascinante profissão que é a de corretor de imóveis.

Resolvi contar um pouco da minha história, pois apesar de já fazer um “tempinho” que iniciei no mercado imobiliário atuando como corretor, percebo que muitos desafios ainda precisam ser superados e o profissional que quer ser um diferencial tem que estar atento a eles.

No começo não foi fácil. Vivi um período em que as empresas se preocupavam muito mais com a quantidade de corretores e não com qualificação profissional. Essa realidade, felizmente, vem se modificando uma vez que a própria dinâmica do mercado demanda por profissionais capacitados, mas ainda é um desafio que precisa ser vencido.

Sou de um tempo em que não existia sistema informatizado e os imóveis eram apresentados previamente por meio de fichas organizadas em diversas pastas. Você que está entrando na profissão agora e  se depara diante de tantos recursos tecnológicos, consegue imaginar como era vender um imóvel dessa forma?

Mesmo diante dos desafios não me acomodei, busquei por um diferencial que me destacasse diante de um mercado com profissionais tão parecidos e com carências de qualificação.

Aproveitava as horas vagas para conhecer os imóveis, pesquisava os detalhes das fichas e buscava identificar características que ninguém trabalhava. Andava pelas ruas para analisar os empreendimentos, mesmo que não houvesse um cliente interessado. Buscava me aprimorar não só em relação ao imóvel, mas também sobre a região onde ele estava inserido. E isso fez uma grande diferença na minha carreira, pois não esperava um cliente me ligar para me apoderar de um imóvel, me antecipava às possíveis objeções e me empenhava para buscar todas as respostas. Percebia que vários colegas reclamavam que não tinham boas oportunidades, porém via que os desafios que surgiam não eram convertidos em aprendizados e que o caminho que parecia mais fácil era ficar inventando desculpas para justificar as não vendas.

Sempre tive a convicção, e já até abordei isso aqui no blog, de que as oportunidades só aparecem para quem está preparado e quem não se capacita vai sempre achar que o outro tem muita sorte. Pensar assim é mais cômodo, mas quem quer ter sucesso nesta área precisa se desafiar, se questionar e se envolver mais a cada dia para quando a oportunidade aparecer estar preparado para identificá-la.

Confesso até mesmo que quando iniciei minha carreira, a possibilidade de altos ganhos financeiros foi o que mais me encheu os olhos, e esse, certamente, é um dos primeiros aspectos analisados pelos atuais entrantes na profissão, vide a valorização que o mercado imobiliário vem ganhando nos últimos anos.

Contudo, com o passar do tempo, fui me apaixonando e me envolvendo cada vez mais com a corretagem imobiliária. Busquei aprimorar permanentemente os meus processos, pois queria dar sempre o melhor que eu podia e isso fez toda a diferença.

O meu empenho e dedicação me fizeram alcançar ambições mais altas do que eu imaginava, de corretor de imóveis evolui para outras funções dentro do mercado e cheguei até mesmo a ser sócio e executivo em uma das imobiliárias do Estado do Espírito Santo.

Hoje, me desafio a desbravar outros ramos do segmento de imóveis atuando em consultorias, treinamentos de equipes, compartilhando saberes e aprendendo a cada dia mais com a contribuição dos leitores do blog.

Não quero contar nenhum um tipo de vantagem ao dividir com vocês um pouco da minha trajetória que para mim trouxe muita felicidade, mas acredito muito no potencial do mercado imobiliário e sou um eterno apaixonado pelo trabalho que faço e pelo segmento em que atuo.

Se você que está entrando no mercado imobiliário agora como corretor de imóveis e se permite conhecer a experiência e a opinião de alguém que está no segmento há mais tempo, só tenho a dizer que esta profissão é muito gratificante. Fazer parte da realização do sonho de tantas pessoas, construir relacionamentos que, muitas vezes, são transformados em amizades sinceras são oportunidades que poucas profissões podem oferecer. E a carreira de corretor de imóveis possibilita isso.

Portanto, você que está chegando a esta fascinante e apaixonante profissão: seja bem vindo!
Acredite e dê sempre o seu melhor. Seja o autor da sua vida e não um simples  ator. Faça sua história acontecer!

São essas atitudes que o transformarão em um verdadeiro corretor de imóveis, um gestor de negócios e não, simplesmente, um mostrador de imóveis que não constrói relacionamentos. E como diz um grande amigo meu, “relacionamentos são negócios disfarçados”.

Agora, convido você a partilhar também suas experiências.
Você que já está no mercado há mais tempo, o que diria para os novos corretores de imóveis, que vivências transformaram a sua história? E você que está chegando, o que espera encontrar nesse mercado?

Sua opinião é muito importante, participe!

Autor
Guilherme Machado

Consultor, Coach e Palestrante nacional em Vendas, Motivação e Marketing.


Comentários

Powered by Google+ Comments

  1. Giulian Marcoccia disse:

    Bom dia! Seu texto é muito bom!
    Estou começando na área imobiliária e tenho boas perspectivas para o futuro, no começo é complicado, a gente se frustra um pouco pois não sabemos e nos perguntamos “de onde vamos tirar clientes!?… E acabamos ficando um pouco desmotivados a continuar nossa carreira, mas seus textos tem me ajudado muito. Obrigado!
    Gostaria de apenas saber sua opinião sobre plantão. Até aonde o senhor acha que o plantão da clientes? Seria golpe de sorte pegar um cliente interessado?

    • Guilherme Machado disse:

      Olá Giulian, obrigado pelo feedback e seja bem-vindo à profissão. Conforme abordado no texto, todo início é complicado, mas não desista.
      Saber que contribuímos para o fortalecimento do mercado é uma das nossas maiores alegrias.

      Em relação a trabalhar em plantão, acredito que deva ser visto de uma forma mais natural. Trabalhe os seus clientes antes, direcione-os para o seu plantão. Não fique apenas esperando o cliente aparecer, como num passe de mágica. Ligue antes, prospecte e faça do plantão uma “base” e gerador de negócios. Ele se tornará bom dependendo de como o trabalhou antes.
      E conforme já abordado em textos anteriores aqui no blog, não sou uma pessoa que acredito em “sorte” para alcance de sucesso. Faça a sua sorte. Engaje-se, tenha foco, supere expectativa e a sorte aparecerá.

      Abraços e sucesso.

  2. Alexeya Barros disse:

    Olá Guilherme!

    Imensa satisfação participar de suas experiências compartilhadas.
    Estou começando meu estágio e pretendo me dedicar com afinco para ser uma bem-sucedida consultora em negócios imobiliários.
    Fui atraída pela mídia e o superaquecimento do mercado imobiliário.
    Mas, já percebi que o sucesso de um corretor depende mesmo de todo um trabalho pró-ativo, planejamento, disciplina, conhecimento e muita persistência.

    Suas dicas são valiosas e nos impulsionam a buscar o aprendizado.
    Mais do que nunca no meu dia a dia vejo como verdadeira a premissa: SORTE é o que acontece quando a PREPARAÇÃO encontra a OPORTUNIDADE.

    Entrei empolgada visando obter retorno rápido, mas percebi que o importante é investir no preparo. Aprimorar técnicas, conhecer bem os produtos, entender o mercado dentre outras características relevantes para
    transmitir segurança e confiabilidade ao cliente.

    Sucesso a você e continue com essa troca valiosa em seu blog.

    “Mais bem aventurado é dar do que receber.”

    Abs,

  3. Olá, Alexeya.

    Seja bem-vinda ao nosso blog. A ideia é justamente essa: proporcionar um espaço de evolução e construção coletiva, a partir da troca de experiências e conhecimentos. Onde o resultado é contribuir para o crescimento e profissionalização do mercado imobiliário.

    Fiquei muito feliz com o seu feedback, ele nos motiva a fazer um blog cada vez mais interativo e com conteúdo relevante para o mercado imobiliário.

    Só tenho a dizer que você está no caminho certo. O sucesso depende do nosso engajamento em nos tornamos profissionais melhores a cada dia, o que exige a busca permanente pela qualificação. Vejo que é isso o que você tem feito.

    Parabéns!! Esse já é um importante passo rumo ao sucesso.

    Continue acompanhando o nosso blog e interagindo conosco.

    Lembre-se: Juntos somos fortes!!

  4. Harry Stein disse:

    Olá. Estou iniciando agora (dois meses) na profissão de corretor de eimóveis. Ainda estou meio assustado, tudo é novo. Estou procurando aprender, pois ainda me falta a prática. Os cursos TTI, sabemos, são muito fracos e não formam o profissional. Blogs com dicas de profissionais experientes são sempre muito bem vindos. Obrigado e parabéns pelo blog.
    Abraços.

    • Olá Harry,

      Seja bem-vindo a nossa apaixonante profissão. Obrigado pelo feedback.

      Se me permite, diria para transformar este susto inicial em motivação, em vontade de fazer algo inovador para o mercado, pois é o nosso engajamento que nos permitirá superar os desafios que certamente surgirão em nosso caminho.

      Sabemos que os cursos de TTI têm suas limitações, mas essa formação é fundamental para os corretores, uma vez é que neste espaço que temos uma melhor dimensão da realidade em que estaremos inseridos. Nosso diferencial enquanto profissional está na capacidade de transformarmos os conhecimentos adquiridos em práticas assertivas.

      Obrigado por sua participação e esteja sempre à vontade para interagir conosco.

      Sucesso!

  5. Harry Stein disse:

    Só para corrigir meu site, que informei errado.Maldito teclado, rsrsrs

  6. Roberto Deveza disse:

    Olá Guilherme,
    eu, estou entrando no mercado imobiliario agora,
    já fiz alguns negocios atraves de uma imobiliaria,
    mais gostaria de trabalhar com imóvel avulso, mais
    não conheço muito sobre direito imobiliario, para
    esse tipo de imóvel, você tem alguma dica para nos
    ajudar com esse seguimento de mercado?
    Atenciosamte,
    Roberto Deveza

    • Olá Roberto,

      Obrigado por sua participação aqui em nosso blog. Fique à vontade para sempre interagir conosco.

      A primeira questão importante para quem vai trabalhar com o imóvel avulso é entender que o perfil do cliente que procura por este tipo de imóvel é diferente de quem opta por um lançamento e com isso o nosso comportamento deve se adequar às necessidades deste cliente.

      É necessário identificar qual é a motivação de compra desse cliente que tem o perfil do imóvel de terceiro, quais os aspectos que pra ele são mais relevantes. Oriento que você conheça bem o imóvel a ser vendido, cada detalhe é importante. Esteja preparado para as objeções, pois como se trata de um imóvel que já foi habitado, as dúvidas em relação a ele serão ainda maiores do que em uma venda de um lançamento.

      Já em relação ao direito imobiliário, oriento que você busque por um profissional especializado no assunto, pois ele terá condições de sanar todas as suas dúvidas. Além disso, verifique junto ao Creci da sua região se há um setor que poderá lhe fornecer mais informações. Os conselhos podem ser parceiros estratégicos para os corretores nas mais variadas situações.

      Espero ter ajudado e desejo sucesso neste desafio.

  7. Ricardo disse:

    estou começando agora no ramo e nao tenho carro,e ja acho bastante complicado conseguir um estágio,todo lugar que chego pedem um corretor motorizado e ja to pensando em desistir…mas nao vou desistir tao facil.Adorei seu blog.

    • Olá Ricardo,

      Obrigado por sua participação.

      Todo começo de carreira é realmente um grande desafio, mas como você bem destacou, o importante é NÃO desistir.

      Nos próximos encontros tente demonstrar cada vez mais o seu interesse em contribuir para um mercado imobiliário profissional e competente, a sua disposição de realizar um bom e qualificado trabalho, o seu engajamento e comprometimento com as suas metas. De modo que essas atitudes sejam mais relevante do que o fato de ainda não ter um carro.

      Desejo sucesso e conte sempre conosco para potencializarmos novos conhecimentos.

      Continue interagindo em nosso blog e esteja sempre à vontade para partilhar as suas experiências.

  8. aline disse:

    Ola, Guilherme.
    Iniciei na profissão de corretora de imoveis a dois meses e me sinto perdida ainda sei q hoje a empresa é a mais reconhecida no mercado imobiliário.
    Trabalhei no Pirata durante 1 més e no lançamento venho minha frustração todos os clientes que tinha abordado para o empreendimento q lançava não me deu perspectiva de vendas. Hoje faço um investimento do meu trabalho da minha pessoa em vão pois estou perdida ser corretora é o que eu mais quero pra minha vida profissional mas vejo q falta experiencia. Preciso de ajuda sabe preciso recomeçar do zero fazer o certo pra não errar sei q e errando q se aprende mas ta difícil estou numa situação que não sei o que fazer me sinto no labirinto.Onde o pior está acontecendo estou perdendo forças desejo de seguir, mesmo sabendo que esta areá e que mais almejo no meu profissional.

    • Olá Aline,

      Seja bem-vinda ao mercado imobiliário e também ao nosso blog. É um prazer tê-la conosco.

      O desafio que você nos apresenta é uma realidade enfrentada por vários profissionais. Quero lhe dizer que nem tudo estar perdido, a sua história no mercado imobiliário está só começando e ela tem tudo para ser bem sucedida, mas para isso é importante estar atento a alguns comportamentos.

      Atuar no mercado imobiliário requer antes de tudo análise: é preciso saber em que ambiente estamos inseridos, quais são suas características e como elas impactam em nossa rotina de trabalho.

      Depois é fundamental identificar o perfil do seu público. Quem é esse cliente? Como ele gosta de ser abordado? Quais aspectos que para ele são fundamentais no imóvel? É a partir destas informações que você deve montar suas estratégias de relacionamentos.

      O seu conhecimento de mercado deve agregar valor ao seu atendimento, tendo em vista como o seu cliente gosta de se relacionar.

      Estes são passos fundamentais que devem andar juntos: análise transformada em conhecimento, conhecimento que desencadeia em inteligência competitiva, que por sua vez deve ser refletida na sua ação. E tudo isso vem de um bom planejamento.

      Deixo aqui algumas dicas de leitura de outras experiências em nosso blog, onde acredito que lhe ajudarão a encontrar um bom caminho para o seu desenvolvimento profissional.

      · Seja um corretor de imóveis de alto desempenho: http://iimob.me/18

      · Corretor de imóveis: como identificar o perfil do seu cliente: http://iimob.me/19

      · Corretor de imóveis: o detalhe faz a diferença: http://iimob.me/1a

      Sinta-se sempre à vontade para interagir e compartilhar suas experiências e vivências.

      Sucesso.

  9. [...] E quando falamos de mercado imobiliário, temos que ter uma atenção ainda maior, colega, corretor de imóveis, pois estamos em um segmento diferenciado de vendas. Vamos entender por [...]

  10. Edson disse:

    Olá Guilherme. Primeiramente gostaria de lhe parabenizar pelo blog, achei muito interessante o texto e as diferentes histórias dos demais colegas. Sou um iniciante no ramo imobiliário, tenho apenas 18 anos e ja estou concluindo o curso tecnico em transações imobiliárias. Mas como ja foi citado por um colega, tenho uma certa preocupação com o curso de TTI, pois estudei em casa e só compareci para fazer as provas. Creio que não é assim que eu vou aprender tudo que preciso. Começo meu estágio amanhã, e estou bastante motivado, pois confio e muito no meu potencial. Mas como todo iniciante tenho muitas dúvidas. Queria saber quais as dicas que você daria para pessoas como eu que estão iniciando nesse ramo. Dicas de como abordar, como entender as necessidades dos clientes, enfim de como se tornar um grande profissional de sucesso. Mais uma vez Obrigado e parabéns pelo seu trabalho. Um abraço.

    • Olá Edson,

      Muito obrigado pela sua participação e importante feedback.

      Primeiro quero dizer que a nossa profissão é fascinante, pois a cada dia temos a possibilidade de aprender algo. Com isso, estar aberto para novos conhecimentos é uma virtude essencial para um corretor de imóveis, esteja ele no início de carreira ou não.

      Diante disso, o curso de TTI é indispensável para o profissional da intermediação, pois é a partir dele que teremos condições de compreender qual é o nosso mercado e assim direcionar melhor a nossa atuação. Contudo, é na prática que o corretor aperfeiçoará o seu trabalho, ou seja, quando o conhecimento adquirido é transformado em ação.

      Sendo assim, é por meio do nosso comportamento que podemos fazer a diferença. Por isso, não existe uma fórmula pronta para o profissional de sucesso.

      Porém, quando compartilhamos experiências podemos ir construindo o nosso caminho, aprendendo com aquilo que não deu certo para não repetirmos os mesmos erros e aprimorando as práticas bem sucedidas.

      Compartilho com você alguns artigos de nosso blog que poderão ajudá-lo a direcionar melhor este começo de caminhada.

      12 dicas para um corretor de imóveis eficiente – http://iimob.me/2s

      Corretor de imóveis: Como decifrar os sinais de compra? – http://iimob.me/3y

      Capacitação: caminho para o corretor de imóveis – http://iimob.me/73

      Seja um corretor de imóveis de alto desempenho – http://iimob.me/18

      O espetacular corretor de imóveis – http://iimob.me/1

      Como vender para os diferentes tipos de clientes – http://iimob.me/8l

      Corretor de imóveis: seis dicas para realizar sua melhor venda – http://iimob.me/27

      Espero que daqui a pouco tempo você também possa partilhar as suas práticas conosco.

      Sucesso!!!

  11. Nabor de Sousa Araújo Júnior disse:

    Boa tarde Guilherme!
    Estou terminando o curso de TTI e tenho como objetivo trabalhar como despachante imobiliário em MG. Este nicho é uma das maiores oportunidades de realização profissional neste mercado. Talvez por ser da área contábil tenha me fascinado tanto pelo seguimento.
    Certamente não faltarão grandes oportunidades de nogócios de compra e venda, mas o foco será mesmo a regularização documental e consultorias.
    Para realizar meu sonho estou lendo livros, resenhas, publicações e tudo q encontro sobre o assunto, não são muitas as obras técnicas disponiveis no mercado; aceito sugestões…
    Sua opinião é de fundamental importância, não que eu queira ouvir somente boas novas, mas as dicas das adversidade também serão muito bem vindas.
    Um grande abraço,
    Nabor Júnior

    • Olá Nabor,

      Seja bem-vindo ao mercado imobiliário e também ao nosso blog.

      Continue interagindo conosco, pois a participação de vocês contribui para deixar este espaço cada vez melhor.

      A profissão de despachante imobiliário tem crescido bastante e apresenta excelentes perspectivas.

      Sempre gostei muito dessa área e como os materiais mais específicos sobre o trabalho de despachante imobiliário eram (e ainda são) escassos, busquei maneiras alternativas de adquirir novos conhecimentos sobre a atuação do despachante e é exatamente esta a dica que lhe dou.

      Eu procurava, por exemplo, pelos agentes financeiros e buscava entender sobre a parte de financiamento habitacional a partir das experiências deles e tentava captar destes profissionais o máximo de informações que poderiam ser aplicadas e adaptadas à rotina do despachante. Com esse mesmo intuito eu ia às prefeituras, cartórios, órgãos estaduais e federais, sempre em busca de informações práticas de fontes qualificadas sobre cada conhecimento necessário ao despachante.

      Espero que tenha ajudado. Sucesso neste novo desafio.

  12. Tiago Rochetto disse:

    Ola Guilherme.
    Fui convidado a fazer parte do time de corretores da maior imobiliaria da cidade fiquei muito empolgado, andei estudando sobre a profissão, gostei bastante devido a flexibilidade de horários, bons ganhos, e o desafio de ajudar as pessoas a encontrar o que realmente procuram, porém não tenho nenhuma experiencia na área e por se tratar de uma função em que não existe um salario fixo, eu acabo ficando com certo receio de aceitar, perguntas que circulam minha mente como: Será dificil de vender? Será que passarei o primeiro mês sem salário? Eu tenho 23 anos e aparento ter bem menos, será que isso não será um problema pra mim? Pois ja trabalhei em comercio e algumas pessoas acabam nao dando tanta confiança em mim as vezes por parecer muito jovem acabam achando que nao tenho capacidade ou responsabilidade suficiente. Tenho bastante interesse na area e em me empenhar a melhorar que for preciso para me adequar a area. Mas ouvir a opniao de uma pessoa experiente e bem sucedida no ramo concerteza vai me motivar e me tranquilizar mais. Parabéns pelo blog.

    • Olá Tiago,

      Obrigado por compartilhar conosco este importante momento da sua carreira. Estar entre o time de profissionais de empresas que são referências para o mercado certamente é o desejo de grande parte dos corretores de imóveis. Por isso é essencial saber aproveitar bem esta oportunidade.

      Diante desse cenário, a primeira coisa que você precisa ter em mente é que, estejamos no início ou não de uma carreira, sejamos novos ou mais velhos, a venda nunca será um processo simples, pois estamos lidando com uma variável muito complexa: o ser humano. Sendo assim, os resultados estarão diretamente ligados a forma como você se comporta diante dos mais diferentes tipos de atendimentos

      Indico alguns textos trabalhados aqui em nosso blog que poderão ajudá-lo a construir um caminho para o seu desenvolvimento profissional.

      Como vender para os diferentes tipos de clientes – http://iimob.me/8l

      Corretor de imóveis: os 5 erros mortais de um atendimento – http://iimob.me/d6

      Capacitação: caminho para o corretor de imóveis – http://iimob.me/73

      12 dicas para um corretor de imóveis eficiente – http://iimob.me/2s

      Corretor de imóveis: o poder do marketing pessoal na sua carreira – http://iimob.me/a

      Corretor de imóveis seis dicas para realizar sua melhor venda – http://iimob.me/27

      Corretor de imóveis: o detalhe faz a diferença – http://iimob.me/1a

      Espero que possa ajudar.

      Sucesso!!!

      • Cesar disse:

        Guilherme. Parabéns pelo blog!
        Estou atuando como corretor de imóveis a 8 meses,(SC), mas ainda me sinto perdido na profissão. Minha maior dificuldade está em encontrar clientes, mando e-mail com ofertas, para centenas da contatos, e na maioria das vezes ninguém responde.
        Tenho grande vontade de seguir na profissão mas estou desanimando, pois passo grande parte do dia sentando sem saber o que fazer.
        O que devo fazer?
        Onde posso encontrar clientes?

        • Olá Cesar,

          Muito obrigado por sua participação em nosso blog. Esteja sempre à vontade para interagir conosco.

          A profissão de corretor de imóveis é uma carreira que deve ser construída diariamente. Posso te afirmar que seja com 10 meses ou 10 anos de carreira sempre teremos desafios, e isto é o que torna o nosso trabalho tão apaixonante. Pois a cada dia temos a oportunidade de aprender coisas novas.

          Hoje o nosso mercado está muito dinâmico e isto exige novos comportamentos dos corretores. Este cenário revela elementos importantes, como por exemplo, a prospecção de novos clientes. É preciso saber diagnosticar o perfil do cliente para poder escolher a estratégia mais assertiva.

          Aprofundei este debate em um episódio do nosso Intelicast e acredito que ele poderá lhe ajudar a descobrir um melhor caminho para adequar a prospecção ao seu perfil de trabalho. Confira e depois compartilhe conosco a sua experiência.

          O poder da prospecção no mercado imobiliário – http://iimob.me/qb

  13. [...] s.parentNode.insertBefore(po, s); })();Uma das grandes dificuldades na profissão de corretor de imóveis é a prospecção de clientes. Diferente do que muitos pensam, o trabalho do corretor imobiliário [...]

  14. daiane fonseca disse:

    OI LI UM POUCO DO BLOG E ESTOU CADA VEZ MAIS EMPOLGADA PARA COMEÇAR MEU TTI(VAI SER NESSA SEGUNDA (19/11), E REALMENTE ME PERGUNTEI PUTS COMO VOU ENCONTRAR CLIENTE?
    E COMECEI A OBSERVAR OS OUTROS CORRETORES (ESTOU NA IMOBILIÁRIA DO MEU TIO),E UM DELES ME DISSE PRA TU GANHAR TU TEM QUE ESTAR NA RUA!FIQUEI PENSANDO NISSO, REALMENTE QUERO ESTAR NA RUA VENDO CASAS PARA POR A PLACA, CONVERSAR COM AS PESSOAS, CONHECER OS BAIRROS, E OBSERVAR TUDO AO MEU REDOR!LI MUITO NA INTERNET COISAS NEGATIVAS SOBRE CORRETOR, PORÉM QUALQUER PROFISSÃO VAI EXISTIR ALGUÉM QUE FALE MAL, E PARECE QUE ME DEU MAIS VONTADE PORQUE CABE A MIM LUTAR, CONHECER, E ME ESPECIALIZAR DO QUE SIMPLESMENTE FICAR SENTADA ESPERANDO ALGUÉM ENTRAR LA PARA PODER MOSTRAR ALGO, E PRETENDO IR BEM LONGE, MAIS DE POUCO EM POUCO!!E VOU LER TEU BLOG PORQUE FOI UM DOS POUCOS QUE FALOU BEM E QUE FALA A VERDADE!PARABÉNS!

    • Olá Diana,

      Parabéns pela decisão de iniciar o curso de TTI, ele é o primeiro passo para o corretor que deseja ser um profissional diferenciado no mercado. Aproveite bastante todos os momentos desta qualificação. Seja ousada, não fique limitada aos conhecimentos adquiridos em sala de aula, vá pra rua, observe, busque por formas inovadoras de auxiliar teoria e prática, pois é isto que irá torná-la uma corretora melhor a cada dia.

      O começo, como em toda carreira, será cheio de desafios, mas que pelo percebo, você está disposta a ultrapassar todas estas adversidades. Acredito que este compromisso e esta paixão, devam ser o combustível para a construção da sua carreira.

      Desejo para você muito sucesso nesta nova caminhada. Deixo aqui também a indicação de alguns artigos trabalhados em nosso blog que poderão ajudá-la nesta etapa.

      Capacitação: caminho para o corretor de imóveis – http://iimob.me/73
      Seja um corretor de imóveis de alto desempenho – http://iimob.me/18
      O espetacular corretor de imóveis – http://iimob.me/1
      Como vender para os diferentes tipos de clientes – http://iimob.me/8l

      Abraços e sucesso.

  15. Amanda Oliveira disse:

    OLA GUILHERME , ADOREI O SEU BLOG , ESTOU PRESTE A ADENTRAR NO MUNDO DA CORRETAGEM DE IMOVEIS MAS ANTES PREFERIR OUVIR RELATOS DE ALGUNS PESSOAS QUE TRABALHAM NO RAMO E FORAM POSITIVAS, MAS TEM UM POREM EU TRABALHO DE CARTEIRA ASSINADA , SOU DIRETORA DE UMA AUTO ESCOLA TRABALHO ,NAO PRETENDO DEIXAR ESTA PROFISSAO POIS ADORO O QUE FAÇO, GOSTARIA DE CONCILIAR AS DUAS PROFISSOES É POSSIVEL ? PRETENDO TRABALHAR EM IMOBILIARIAS AOS FINAIS DE SEMANA OU FERIADOS A NOITE , PESQUISEI NA INTERNET ALGUNS RELATOS NAO MUITO POSITIVOS, POIS O CORRETOR PRECISA DE UM OUTRO EMPREGO PARA CUSTEAR AS DESPESAS COMO GASOLINA ETC… CASO ELE NAO CONSIGA VENDER NENHUM IMOVEL É ISSO MESMO? PRETENDO TRABALHAR COMO AUTONOMO SERA QUE VALE A PENA EU INVESTIR R$ 2.500,00 NUM CURSO DE TTI?

    • Olá Amanda,

      É uma grande satisfação cada vez que tenho o prazer de conhecer uma nova
      história e de compartilhar com o nosso leitor estes primeiros momentos de
      inserção no mercado imobiliário. Obrigado por dividir conosco os seus planos.

      Não é a primeira vez que recebo uma dúvida como esta aqui em nosso blog e
      o que sempre faço questão de frisar é que eu não posso afirmar rigorosamente
      ser possível ou não assimilar as duas profissões, isto vai depender muito do
      perfil de cada pessoa.

      Entretanto, é fundamental termos em mente que o mercado imobiliário está em
      franco desenvolvimento e oferece diversas oportunidades para os profissionais
      que atuam ou estão pensando em atuar na área. Contudo, para saber
      aproveitá-las é preciso um envolvimento efetivo com o segmento, dedicação,
      comprometimento, capacitação contínua e estudo frequente do mercado.

      O que oriento é que você faça um momento de autoanálise, verifique se
      está disposta a enfrentar os desafios que as duas profissões impõem e se
      conseguirá desenvolver bem as duas atividades.

      Espero que tenha contribuído um pouco para sua reflexão, pois você é a
      melhor pessoa para responder a esta pergunta. E se depois tiver o desejo
      de compartilhar comigo a sua decisão, fique à vontade, pois será um grande
      prazer. Desejo muito sucesso, independente de qual seja a sua escolha.

  16. Rodrigo Scófano disse:

    Boa tarde Guilherme!

    Gostaria primeiramente de lhe parabenizar por esta magnifica atitude que você está tendo, que é através de seu blog expor a todos nós as suas experiencias vividas e toda a sua aprendizagem adquirida nestes anos de profissão!
    Estou completando 10 meses de Consultor Imobiliário e neste período passei por momentos bons e ruins,como você mesmo disse o ínicio não é facil mas o importante é não desistir.
    Tenho 21 anos de idade e nestes primeiros meses atuei em vendas de Lançamentos (Apartamentos destinados a Classe C e b) mais conhecido como Minha casa Minha vida,consegui obter sucesso graças a Deus porém quero crescer cada dia mais.
    Para este novo ano que está por se iniciar coloquei como foco começar a trabalhar com empreendimentos de alto padrão e por isso tenho buscado informações e me qualificar mais, quero saber se você pode me dar algumas dicas deste mercado que estou começando a trabalhar que é o de auto padrão.
    Lhe agradeço desde já e quero deixar uma mensagem a todos que estão iniciando na carreira mesmo eu ainda não tendo muita experiencia:
    “Que não desistam de seus sonhos e nem mesmo de lutar cada dia mais pelos seus ideais,tenho muita fé em Deus e tenho certeza que ele vê a força de vontade em vencer que há dentro de cada um de nós e ele mais que todos saberá reconhecer todos os nossos esforços”

    • Olá Rodrigo, tudo bem?

      Compartilhar experiências é algo muito gratificante para mim, pois além de
      contribuir para o desenvolvimento deste mercado pelo qual sou apaixonado,
      tenho a oportunidade de conhecer diferentes profissionais.

      Esta interação com vocês aumenta cada o meu desejo de tornar o
      nosso blog um espaço cada vez mais participativo e interessante, por isso,
      obrigado pela confiança e por compartilhar conosco os seus projetos.

      Sobre as dicas de como lidar com a venda de imóveis de alto padrão, este é
      um tema que apareceu algumas vezes entre os nossos comentários e já está
      em nosso planejamento um artigo específico sobre este assunto, ele será
      publicado ainda no mês de janeiro, aproveito e o convido a nos acompanhar
      nesta reflexão.

      Contudo, já adianto algumas dicas por meio de artigos publicados em nosso
      blog que são imprescindíveis para o dia a dia do corretor e que certamente lhe
      ajudarão também na negociação de imóveis de alto padrão.

      Como vender para os diferentes tipos de clientes – http://iimob.me/8l

      Capacitação: caminho para o corretor de imóveis – http://iimob.me/73

      Seja um corretor de imóveis de alto desempenho – http://iimob.me/18

      Planejamento: pode apostar, sua venda depende disso – http://iimob.me/81

      Espero que possa lhe ajudar e no que precisar pode contar comigo.

      Juntos somos fortes!

  17. LUIZ ANTONIO DOS SANTOS disse:

    BOM DIA SR. GUILHERME !

    COMECEI A CARREIRA DE CORRETOR DE IMOVEIS COMO ESTAGIÁRIO,SEM EXPERIENCIA NENHUMA,PORÉM SOMENTE DEPOIS DE DOIS MESES QUE ESTAVA ATUANDO,COMECEI A VENDER DEVIDO UNS CURSOS DE VENDAS FEITO NO SEBRAE,ONDE O DESTAQUE DO MEU DESEMPENHO FOI TÃO BOM QUE CHEQUEI A SER COTADO PARA ASSUMIR A COORDENAÇÃO DE UM PLANTÃO DE VENDAS.
    CONTUDO NÃO TIVE COMO DAR PROSSEGUIMENTO NISSO,POIS TIVE UMA PERDA FAMILIAR E PERDI MEU FOCO.
    AGORA VOU VOLTAR NESSE MERCADO MARAVILHOSO QUE TAMBÉM ME ENCANTA,POIS QUANDO AJUDO ALGUÉM A ENCONTRAR ALGUM IMÓVEL DE SEU GOSTO ME SINTO REALIZADO,SENDO ÚTIL A SOCIEDADE FAZENDO MEU PAPEL DE CIDADÃO.
    ADQUIRI MAIS CONHECIMENTO NA ÁREA COM PSICOLOGIA PERSUASIVA VOLTADA AO MERCADO DE VENDAS.ENFIM.
    O QUE EU QUERIA SABER É SE DAR PARA CONCILIAR A PROFISSÃO DE CORRETOR DE IMÓVEIS COM A PROFISSÃO DE CORRETOR DA BOLSA DE VALORES,POIS ESTE FOI UM DOS MEUS NOVOS CONHECIMENTOS,ONDE QUERO TRABALHAR COM UM E NÃO QUERO ABRIR MÃO DO OUTRO.

    DESDE JÁ AGRADEÇO PELA SUA ATENÇÃO

    LUIZ ANTONIO

    • Olá Luiz Antonio,

      É muito bom saber que você está se preparando para voltar para o mercado imobiliário. Sabemos como é complicado lidar com a perda de um ente querido e o quanto isso afeta as nossas decisões.

      Imagino o quanto foi difícil abrir mão da intermedição imobiliária, mas quero lhe dizer que a sua escolha foi a mais acertada, pois o nosso mercado exige uma entrega e comprometimento por inteiro do profissional.

      Portanto, assim como orientei a Amanda no comentário acima, não ousaria afirmar rigorosamente ser possível conciliar as duas profissões ou não, pois tudo depende da dinâmica de vida de cada um.

      Contudo, o que posso lhe afirmar é que as duas profissões são extremamente desafiantes e exigem um grau de comprometimento muito grande do profissional, uma vez que ambas demandam análises e estudos permanentes do mercado, além de foco, planejamento, envolvimento e engajamento.

      A minha orientação é: Faça um profundo momento de introspecção e questione-se: você está disposto a assumir os desafios e as renúncias que envolvem o desenvolvimento de duas atividades profissionais concomitantes?
      Você terá o engajamento necessário para ser um excelente profissional em ambas as áreas?

      As descobertas desta reflexão estão diretamente ligadas a sua dúvida se deve ou não abrir mão de uma profissão em benefício da outra?

      Agradeço a sua participação aqui em nosso blog e a credibilidade por
      compartilhar conosco este momento tão importante da sua carreira. Desejo sucesso na sua escolha e espero que continue a trocar muitas outras experiências conosco.

      Até breve.

  18. Fernando D. Brasil disse:

    Bom dia, Guilherme!

    É possível largar uma profissão remunerada e iniciar um trabalho como Consultor Imobiliário?

    Trabalho em uma empresa como vendedor, com salário fixo e vários benefícios. Tenho 42 anos, esposa e duas filhas. Sempre procurei ler sobre o mercado imobiliário e tanto que tomei à frente da incorporação da minha casa e seis casas vizinhas, fomos bem sucedidos nesse projeto. Tenho a intenção de trabalhar como consultor imobiliário. Um amigo é proprietário de uma construtora me convidou para conhecer mais o mercado e aos sábados conhecer o trabalho dos corretores no plantão.

    Eis o motivo da minha pergunta inicial. Estou em dúvida se antes de largar o meu emprego para partir para esta nova profissão, preciso ter um capital guardado para me manter nos primeiros meses sem venda, porque as contas vão continuar chegando ou posso levar no inicio as duas profissões e após realizar algumas vendas de imóveis largar o emprego?

    Obrigado pela oportunidade de buscar um futuro melhor.

    • Olá Fernando,

      Este seu comentário me remete a uma coisa interessante. No último mês nosso blog recebeu várias perguntas como a sua e isso nos chamou atenção e podemos fazer várias leituras.

      Uma delas é a de que o crescimento do mercado imobiliário desperta o interesse e atrai cada vez mais novos profissionais. A outra é que muitos destes ainda têm dúvidas e até mesmo uma certa insegurança em relação ao mercado, o que pode nos levar a interpretar que ainda somos carentes de informações qualificadas em relação ao nosso mercado.

      Essas constatações nos fazem aumentar cada vez mais o desejo da nossa equipe de construir um blog sempre mais coerente, atrativo, relevante e de qualidade.

      Agora respondendo a sua pergunta “sobre ser possível largar uma profissão remunerada e iniciar um trabalho como corretor de imóveis”, minha respostas é SIM, é possível. Mas quero deixar bem claro que não estou afirmando que você deva fazer isso, pois toda mudança inclui consequências, umas positivas e outras não, e adaptar-se a uma nova realidade é um desafio diário.

      Por isso, antes de tomar qualquer decisão é necessário um profundo momento de reflexão e de autoanálise, a fim de colocar todos os benefícios, dúvidas, dificuldades e oportunidades em uma balança e avaliar o quão disposto e preparado você está para enfrentar uma nova realidade.

      O mercado imobiliário é um ambiente muito promissor para o desenvolvimento e prosperidade profissional, mas exige disciplina, comprometimento e qualificação. Os resultados chegam, mas eles chegam depois de um período de médio a longo prazo, portanto, é preciso estar estruturado financeiramente para investir na intermediação imobiliária.

      Minha dica é: Avalie com calma o cenário e os desafios, pois é com base nesta reflexão que você poderá fazer aquela que julgar ser a escolha mais adequada às suas necessidades.

      Sucesso na sua caminhada e que você possa fazer escolhas conscientes e que acima de tudo lhe proporcionem alegria e vontade de ser um profissional cada vez melhor.

      Abraços e sucesso.

  19. Moisés Ferreira disse:

    Olá, Guilherme !

    Fui convocado a entrar no ramo imobiliário, e me foi oferecido o curso de TTI que eles iram pagar, pagarei somente a taxa do CRECI. Estou muito empolgado, para iniciar e me aperfeiçoar.
    No entanto, eu sei que os desafios seram muitos, mas pretendo não desanimar.
    Estou buscando informações, dicas e contos de experiências referente ao ramo.
    Como vou iniciar nessa área, preciso trabalhar em um emprego fixo, pelo menos por enquanto já que corretor a maior parte é autonomo. Tentarei conciliar.
    Gostaria de saber uma informação; Quando há várias filias ou plantões você aconselharia a visitarmos todas elas, para conhecer melhor, ou quando não conseguir vendas em um tentar em outro?

    • Olá Moisés, tudo bem?

      Seja realmente muito bem-vindo ao mercado imobiliário e ao nosso blog.

      Posso lhe afirmar que você já começou a dar os primeiros passos fundamentais para o bom desenvolvimento da carreira: a busca pela qualificação.

      Tenha certeza de que é o seu nível de preparação e o quanto você está empenhando em aprender sempre mais que irão lhe garantir um melhor desempenho no setor.

      Por isso, empenhe-se em conhecer as práticas do mercado, não só visite os plantões, como também converse com profissionais mais experientes e sempre que desejar ou precisar pode contar com este espaço em nosso blog para evoluir profissionalmente.

      Conhecer todos os pontos de venda, sejam eles stands ou não, é de suma importância. Não espere ter o cliente para visitar. Visite antes e prepare-se.

      Tenha foco e dedicação para construir uma referência na sua carreira. Ficar pulando de imobiliária em imobiliária colhendo sucessivas ‘não vendas’ pode ser uma prática arriscada. Pense nisso.

      Que você tenha muito sucesso nesta nova etapa profissional e que possa voltar em nosso blog para compartilhar seus aprendizados e experiências neste mercado tão apaixonante.

      Até a próxima.

  20. ricardo disse:

    ola fiz uma reviravolta na minha vida aos 37 anos era estudante de contabeis e concurseiro,mas ench o saco,sou corretor de imoveis e estudante de direito no segundo semestre,pretendo fazer pos em direito imobiliario,so que jah estou com 37 anos e estou adorando a profissao apesar de nao ter vendido nada ainda rsssss,mas so fazem 2 meses que estou trabalhando,a pergunta é:vou terminar a faculdade com mais de 40 anos,me apaixonei pelo direito estudando para concursos,mas hj em dia quero o direito mais como um plus a minha profissao de corretor,sera que fiz burrada,ha mercado para a pessoa se aposentar como corretor,e advogando ao mesmo tempo quem sabe e tudo iso terminando a facul com mais de 40 anos…abracao ricardo

    • Olá Ricardo,

      Obrigado por compartilhar conosco um pouco da sua corajosa história.

      Acredito que não há idade para irmos em busca da nossa felicidade e dos nossos objetivos. Vejo que é esta busca que nos motiva a viver intensamente cada momento da nossa existência.

      Porém, esta jornada só poderá ser bem sucedida se tivermos consciência dos desafios que encontraremos no caminho e se nos prepararmos para enfrentá-los com estratégia, foco e o compromisso de darmos sempre o nosso melhor.

      Desse modo, um bom corretor de imóveis deve ter competências que vão além de saber apresentar o imóvel, portanto, o seu conhecimento na área de direito certamente será um grande diferencial em sua carreira. Saber potencializar esta vantagem competitiva em prol da sua profissão poderá levá-lo a alcançar resultados expressivos.

      Diante disso, acredito que há mercado para todo profissional, desde que estejam empenhados em identificar onde estão as oportunidades para o desenvolvimento da carreira. A profissão de corretor de imóveis exige estudo contínuo, planejamento, foco e determinação. Se estes elementos estiverem presentes no seu dia a dia, esteja certo de que logo acontecerá a primeira de muitas vendas de uma carreira bem sucedida.

      Um forte abraço e muito sucesso.

  21. Claudia Cervigni disse:

    Boa Noite Guilherme e ótimo ano; como a maioria dos comentários eu também estou começando na área e o que me chamou mais a atenção é o fato de “fazer” o meu horário, (pois sou divorciada e tenho 3 filhos) embora eu saiba que a disciplina é essencial neste tipo de trabalho, autônomo, creio que me sairei bem pois trabalhar com o público é o que eu gosto de fazer, estava no ramo securitário, vendia um papel, uma apólice de seguro, para um evento incerto, pois no decorrer da vigência de 1 ano, não há certeza se utilizará o seguro.

    • Olá Claudia, tudo bem?

      Você toca em um ponto vital para o bom desempenho do corretor de imóveis: A gestão do tempo. É muito comum, principalmente quando estamos chegando ao mercado, termos a sensação de que tempo não será um problema para o corretor de imóveis por se tratar de uma profissão autônoma e possibilitar uma maior flexibilidade nos horários.

      Contudo, vários corretores são surpreendidos ao ver que na prática é preciso estar sempre atento ao tempo que dedicamos ao desenvolvimento da nossa profissão. O tempo, verdadeiramente não será um problema se tivermos um planejamento consistente.

      Falei um pouco mais sobre isto no podcast que você encontra neste link http://iimob.me/1bd Deixo o convite para que você possa ouvir e comentar.

      Abraços

  22. gil disse:

    boa noite!!adorei o blog

    A profissão de corretor de imóveis esta rotulada como “passageira” pois dizem q depois da copa e olimpiadas vai diminuir muito o mercado imobiliario,e tambem há muitos novos corretores,e como sou um que estou completamente sem dinheiro,o que é melhor para comocar a aprender e ao mesmo tempo ter menos morosidade para efetuar a primeira venda e as demais?avulsos,on line(chat),ou diretamente em plantoes?

    Grato

    Gil

    • Guilherme Machado disse:

      Olá Gil,

      Vejo que tanto o mercado imobiliário quanto a profissão de corretor estão em pleno desenvolvimento. A Copa do Mundo e as Olimpíadas, na minha análise, serão importantes oportunidades para os profissionais e o mercado se fortalecerem, e, sobretudo, confirmarem a sua importância para economia nacional.

      Dessa forma, acredito que a profissão não seja passageira para aqueles que têm um engajamento efetivo com o mercado e um compromisso com a melhoria contínua. Agora, para quem tem uma visão de curto prazo e quer apenas aproveitar um “momento” do mercado, certamente a profissão será passageira, são os chamados aventureiros. Contudo, avalio que hoje este é um perfil profissional cada vez mais distante da nossa realidade.

      Agora em relação às dicas sobre o que fazer para alcançar o êxito no mercado imobiliário devo dizer que não há uma receita pronta, contudo, alguns elementos são vitais para que bons resultados sejam alcançados: meta, planejamento, gostar do que se faz, gestão de tempo, comprometimento e aprendizado contínuo estão entre estes elementos.

      Já no que diz respeito a qual área você poderá obter melhor resultados não posso lhe dar uma resposta definitiva, pois a mesma dependerá do seu perfil de trabalho. É necessário que você faça uma avaliação das áreas e opte por àquela com a que mais se identifique e que irá impulsioná-lo a ter um maior envolvimento e comprometimento com o exercício da atividade. Somos muito melhores quando fazemos aquilo com que nos identificamos. #ficaadica.

      Compartilho com vocês alguns posts do nosso blog que poderão ajudá-lo a traçar um melhor caminho para o desenvolvimento da sua carreira.

      Como vender para os diferentes tipos de clientes – http://iimob.me/8l

      Capacitação: caminho para o corretor de imóveis – http://iimob.me/73

      Seja um corretor de imóveis de alto desempenho – http://iimob.me/18

      Planejamento: pode aposta, sua venda depende disso – http://iimob.me/81

      O espetacular corretor de imóveis – http://iimob.me/1

      Corretor de imóveis: os 5 erros mortais de um atendimento – http://iimob.me/d6
      Seja um Corretor Coach e venda mais – http://iimob.me/1×7
      Mate seus velhos hábitos: seu sucesso depende disso – http://iimob.me/1ii

      Como se tornar um vendedor campeão no mercado imobiliário? – http://iimob.me/ac

      Corretor de imóveis: monte seu plano de ação com o modelo 5W2H – http://iimob.me/152

      Corretor de imóveis: você faz a gestão do seu tempo? – http://iimob.me/1bd

      Desejo sucesso em sua caminhada.

      Até a próxima.

  23. Cláudio disse:

    Boa tarde Guilherme. Primeiramente, gostaria de parabenizá-lo pelos posts. São muito interessantes e enriquecedores. Tenho 42 anos, casado tenho um filho. Tenho curso superior em área da saúde e 15 anos de experiência na área comercial, chegando a ser gerente nacional de vendas de uma multinacional (posição que tenho hoje). Mas a questão das viagens e distância da família está pesando e me fazendo repensar muitas coisas em minha vida. Uma delas é de mudar de ramo. E a consultoria imobiliária me desperta atenção e interesse. Sei que existirão adversidades, obstáculos, entre outros, mas estarei disposto a enfrentá-los e conseguir sucesso. Não quero perguntar se estou certo ou errado em pensar assim – sei que eu mesmo terei a resposta para esta pergunta, mas eu estou louco em pensar deata forma? O mercado imobiliário realmente pode proporcionar altos ganhos? Sei que dedicação, resiliência e obstinação eu terei. Obrigado e abraço

    • Olá Cláudio, tudo bem?

      Obrigado por compartilhar conosco um pouco da sua história. A sua dúvida é muito comum, pois vários profissionais de diferentes áreas têm vislumbrado a oportunidade de melhorar a renda no segmento imobiliário.

      A configuração deste cenário se dá exatamente pelo o fato do mercado imobiliário está vivendo um excelente momento e apresenta possibilidade real de altos ganhos. Contudo, como você mesmo apontou os resultados são frutos de dedicação, resiliência e obstinação, e, sobretudo, de planejamento e estudo contínuo do mercado.

      É importante ainda alertar que esses resultados não são imediatos, portanto, é necessário estar bastante consciente e preparado para tomar a decisão de investir na profissão e envolver-se efetivamente com um bom desenvolvimento da carreira.

      Desejo muito sucesso independente da sua escolha. Desde já esteja sempre à vontade para interagir conosco.

      Até breve!

    • Olá Cláudio, tudo bem?

      Obrigado por compartilhar conosco um pouco da sua história. A sua dúvida é muito comum, pois vários profissionais de diferentes áreas têm vislumbrado a oportunidade de melhorar a renda no segmento imobiliário.

      A configuração deste cenário se dá exatamente pelo o fato do mercado imobiliário estar vivendo um excelente momento e apresenta possibilidade real de altos ganhos. Contudo, como você mesmo apontou os resultados são frutos de dedicação, resiliência e obstinação, e, sobretudo, de planejamento e estudo contínuo do mercado.

      É importante ainda alertar que esses resultados não são imediatos, portanto, é necessário estar bastante consciente e preparado para tomar a decisão de investir na profissão e envolver-se efetivamente com um bom desenvolvimento da carreira.

      Desejo muito sucesso independente da sua escolha. Desde já esteja sempre à vontade para interagir conosco.

      Até breve!

  24. [...] E quando falamos de mercado imobiliário, temos que ter uma atenção ainda maior, colega corretor de imóveis, pois estamos em um segmento diferenciado de [...]

  25. claudia disse:

    Guilherme, boa noite!
    Aos 43 anos de idade, depois de ter seguido carreira em comunicação, me frustei e resolvi começar de novo. Começar tudo de novo mesmo!
    Abri uma empresa, fiz o curso de TTI, montei um site, imprimi cartões, dei entrada no creci, fiz pesquisa sobre os docs necessários para uma boa venda / locação, fiz contato com os cartórios e me deparo com uma situação curiosa:
    - a agora?
    O próximo passo é mesmo procurar imóveis para colocar placa, divulgando estes no site?
    Vc orienta alguma leitura para esse início?
    Obrigada pelo espaço.
    Abraço,
    Claudia

    Ainda, pretendo trabalhar com documentação na intermediação de compra/venda e locação, quais os melhores lugares para divulgar meu trabalho além das imobiliárias e escirtórios jurídicos?

    • Olá Cláudia,

      Os passos descritos formam exatamente o caminho necessário para quem deseja iniciar uma atuação no setor de imóveis. Quero parabenizá-la pela ousadia, pois muitos profissionais antes de abrirem uma empresa adquirem primeiramente uma experiência atuando em outras imobiliárias e incorporadoras.

      A sua atitude também repleta de desafios, pois além de aprender na prática como ser uma corretora de imóveis você também acumulará a função de administrar um negócio. Mais do que nunca o planejamento, a disciplina, o foco e o comprometimento serão elementos fundamentais para o seu sucesso.

      Agora respondendo a sua pergunta, os próximos passos envolvem não só a captação de imóveis como também a prospecção de clientes, pois além da necessidade de inserir os produtos em seu banco de dados, você também terá que encontrar clientes aptos a comprá-los. Compartilho alguns posts que poderão ajudá-la nesta missão:

      Corretor de imóveis: torne-se o melhor captador: http://iimob.me/10

      O poder da prospecção do mercado imobiliário – http://iimob.me/qb

      Como vender para os diferentes tipos de clientes – http://iimob.me/8l

      Capacitação: caminho para o corretor de imóveis – http://iimob.me/73

      Seja um corretor de imóveis de alto desempenho – http://iimob.me/18

      Planejamento: pode aposta, sua venda depende disso – http://iimob.me/81

      Corretor de imóveis: os 5 erros mortais de um atendimento – http://iimob.me/d6

      Já em relação ao trabalho com a documentação na intermediação de compra/venda, sugiro que você se estabeleça primeiramente na área de vendas, na qual você terá importantes desafios com a captação e a prospecção, para depois começar a diversificar o seu negócio.

      Como você está apenas começando a sua caminhada no setor imobiliário é melhor focar em uma área para desenvolve-la com eficiência do que expandir demais a sua atuação sem uma experiência adquirida.

      Espero que tenha ajudado para a sua reflexão e evolução.

      Um forte abraço e sucesso!

  26. gil disse:

    Ola guilherme tudo bem!!

    Estou adorando a profissao,apesar de nao ter vendido ainda rsss,mas só 3 meses que estou trabalhando,faço o curso tti mais um curso superior que futuramente irá me ajudar na profissão.Estou sendo duramente criticado “no bom sentido”pela familia e pelos amigos por largar emprego de carteira assinada(que pagava muito pouco por sinal)e desistir,mesmo que temporariamente,da ingrata vida de “concurseiro”para me dedicar integramlmente a profissao que atuo,que confesso no inicio optei pela possibilidade dos ganhos financeiros,mas confesso que estou me apaixonando pela rotina e pela profissao,e efoi a primeira ativadade profissional que eu realmente estou gostando de fazer(e isso tudo sem ganhar nada ainda rsssss),pergunta:estamos em 2013,como toda a profissao,o corretor precisa se qualificar,reciclar,e esatr sepre atualizado e conhecedor sobre o produto que vende,mas é possível se aposentar como corretor de imóveis?será que teremos mercado daqui há 10,20 ou 30 anos?as pessoas perguntam o que faço.digo com toda satisfação que sou corretor,e vejo nos olhos delas que estou rotulado como “picareta”,”nao estou fazendo nada,só um bico”,ou me dizem para cair fora porque a profissao nao tem futuro,apesar do mercado imobiliario estar aquecido.Desde já agradecendo e me desculpando pela carta rsss….Gil

    • Olá Gil,

      Você descreve muito bem a situação de quem está iniciando a carreira. As dúvidas em relação ao futuro e a desconfiança da família e dos amigos que são frutos na realidade de uma preocupação sadia com o seu bem-estar.

      Mais do que nunca devo lhe dizer: Seja bem-vindo à profissão corretor de imóveis, esta carreira tão desafiante e ao mesmo tempo apaixonante como você mesmo já teve a oportunidade de perceber.

      Vejo que o nosso mercado caminha cada vez mais para um crescimento fundamentado por um planejamento. Temos ainda um déficit habitacional muito grande em nosso país, nossa economia segue mais equilibrada e o sonho de ter a casa própria está mais próximo de ser realizado pela nossa população, uma vez que o seu poder de compra foi potencializado.

      Estes fatores contribuem para a previsão de um futuro muito promissor para o setor de imóveis.

      Contudo, só irá obter sucesso neste segmento quem estiver atento a esta realidade e qualificado para saber interpretar os sinais emitidos pelo mercado.

      Portanto, envolva-se e seja envolvido pelo mercado imobiliário, não desamine diante das dificuldades que surgirão e nem tão pouco diante do desmotivação daqueles que não acreditam no sucesso da profissão, e acredite, esta desmotivação virá das pessoas que você mais gosta.

      Porém lembre-se, a resiliência é uma característica que deverá ser incorporada de forma plena em seu dia a dia. #ficadica

      Aproveito para convidá-lo para participar conosco do nosso curso online:

      Seja um corretor de sucesso em 40 dias. As inscrições são gratuitas e o curso acontecerá no dia 06 de março. Mais informações: http://www.guilhermemachado.com/curso-online-gratuito-seja-um-corretor-de-sucesso-em-40-dias/

      Espero que você tenha muito sucesso em sua caminhada e que possa compartilhar conosco importantes experiências no mercado imobiliário.

      • Renan disse:

        Olá Guilherme!
        Sou formado em administração e atualmente trabalho em uma empresa do setor moveleiro no comércio e estou pesquisando sobre o setor imobiliário, pois meu pai sempre trabalhou com compra e venda de imóveis, e sempre foi algo rentável para nossa família. Me sinto atraído por essa área pela possível boa rentabilidade e flexibilidade. Porém, tenho dúvidas de como é por exemplo o cotidiano deste profissional, de quem é dono de uma imobiliária, o que é necessário, em fim. E como é carga horária deste profissional?(hoje trabalho em torno de 10h por dia de segunda a sábado) Perfil necessário?

        Em fim, preciso de um “norte” inicial.

        Obrigado e seu blog já me deu diversas dicas e motivações.

        • Olá Renan, tudo bem?

          Primeiramente gostaria de agradecer pela confiança em nosso blog. Fico muito feliz em poder contribuir neste processo de discernimento dos profissionais que planejam investir na carreira de corretor de imóveis.

          Posso dizer que a vida do corretor de imóveis não tem rotina. A cada dia temos a oportunidade de conhecer uma nova história e com isso diariamente temos um novo desafio.

          E justamente por ser uma rotina tão dinâmica não podemos afirmar categoricamente que o corretor tem uma carga horária de trabalho tão bem definida. Ele pode tanto trabalhar oito horas por dias ou não. Pode trabalhar apenas durante a semana ou também no final de semana. Tudo vai depender das metas pretendidas e o do perfil do público como qual irá atuar.

          Costumo dizer que se fosse possível formular uma receita para a preparação de um corretor de imóveis, alguns ingredientes seriam indispensáveis: planejamento, foco, disciplina, engajamento e qualificação permanente.

          Lidamos com uma das variáveis mais complexas que existe: o ser humano. Além disso, o nosso produto tem um alto valor agregado, e não apenas em termos financeiros, pois quando trabalhamos com o imóvel estamos na realidade sendo envolvidos nos sonhos e projetos de vidas das pessoas.

          Por isso, devemos estar preparados para bem atuar e se destacar neste mercado.

          Quando se é dono da imobiliária os “ingredientes” acima descritos devem estar ainda mais evidentes, pois os resultados não são frutos da ação direta do empresário, mas da equipe, ou seja, da venda dos corretores. E a função do líder neste caso é ainda mais desafiadora, ele deve inspirar a sua equipe a dar sempre o seu melhor, não mais que isso.

          Compartilho com você algumas posts que poderão ajudá-lo a compreender um pouco melhor a dinâmica de um corretor de imóveis e as questões às quais o profissional deve estar atento.

          Como vender para os diferentes tipos de clientes – http://iimob.me/8l

          Capacitação: caminho para o corretor de imóveis – http://iimob.me/73

          Seja um corretor de imóveis de alto desempenho – http://iimob.me/18

          Planejamento: pode apostar, sua venda depende disso – http://iimob.me/81

          Seja bem vindo à profissão corretor de imóveis – http://iimob.me/1c

          O espetacular corretor de imóveis – http://iimob.me/1

          Corretor de imóveis: os 5 erros mortais de um atendimento – http://iimob.me/d6

          Quais são os requisitos para ser um gestor de sucesso? – http://iimob.me/lt

          Planejar o futuro é agir no presente: http://iimob.me/3o1

          Espero que a minha experiência possa ajudá-lo a escolher um bom caminho.

          Juntos somos fortes!

  27. [...] o início da minha profissão como corretor eu sempre sonhei em evoluir dentro da imobiliária visando ocupar um cargo de confiança. Com muito [...]

  28. omir leite disse:

    GUILHERME GOSTARIA QUE VC MIM AJUDA-SE EU FIÇO O CURSO DE TTI ARUMEI A IMOBILIARIA PARA FAZER O ESTAGIO FOI APROVADO SO QUE NAO DEI AINDA A ENTRADA NO CRECI PARA TIRA A CARTEIRA DE ESTAGIARIO PORQUE A MINHA SITUAÇÃO FINANCEIRA NAO ESTA MUITA BOM E PARA FAZER O ESTAGIO A GENTE GASTA MUITO NEM SENPRE A GENTE VENDE

    • Olá Omir,

      O estágio é uma etapa fundamental no processo de formação do corretor de imóveis. É neste momento que você poderá avaliar com mais segurança se a carreira de corretor é realmente a profissão que você quer seguir.

      Portanto, oriento que você faça uma análise do seu planejamento financeiro e veja de que forma você pode se adequar e se preparar para fazer este registro que é vital para profissionalização e qualidade dos trabalhos desenvolvidos para o setor imobiliário.

      Agradeço o seu envolvimento em nosso blog. Esteja sempre à vontade para interagir conosco.

      Juntos somos fortes!!!

  29. Gostaria de saber onde posso fazer esse curso presencial em Bangu, Rio de Janeiro. Desde já agradeço!! disse:

    Preciso de resposta o quanto antes…

    • Olá Viviane, tudo bem?

      Oriento que você procure o Creci ou Sindicato dos Corretores de Imóveis da sua região. Eles poderão lhe direcionar a uma instituição de ensino de credibilidade e que lhe proporcione uma formação de qualidade.

      Normalmente estes órgãos oferecem os cursos ou contam com parcerias que possibilitarão a formação de corretor de imóveis.

      Agradeço a sua participação e envolvimento em nosso blog. Esteja sempre à vontade para interagir conosco.

      Abraços

  30. Viviane Carvalho disse:

    Gostaria de saber onde posso fazer esse curso presencial em Bangu, Rio de Janeiro. Desde já agradeço!!

    • Olá Viviane, tudo bem?

      Oriento que você procure o Creci ou Sindicato dos Corretores de Imóveis da sua região. Eles poderão lhe direcionar a uma instituição de ensino de credibilidade e que lhe proporcione uma formação de qualidade.

      Normalmente estes órgãos oferecem os cursos ou contam com parcerias que possibilitarão a formação de corretor de imóveis.

      Agradeço a sua participação e envolvimento em nosso blog. Esteja sempre à vontade para interagir conosco.

      Abraços

  31. Sou corretor de imóveis a 12 anos e ja trabalhei em 3 escritorios na região.Hoje sou proprietario da aexclusiva imoveis, tudo que conquistei foi com essa maravilhosa profissão,casa em condominio,carro bom, casa de praia, carro para esposa etc. Só que hoje vejo que é dificil achar corretores que tem sonhos,vontade de vencer,tudo que vai fazer reclama, são preguiçosos e só ficam atrás do computador, diferente do meu esforço até hoje, sou dono da imobiliaria e eu que saiu para captar imóveis,tirar fotos,quando peço para passarem as referencias para o jornal demoram o dia inteiro, sempre forçando e cobrando senão não sai,fico chateado pois não é facil manter um escritorio, faço de tudo,jornal semanal,placas e faixas a vontade,até café da manha eu faço para eles chegar mais cedo,mais é dificil, nem todos chegam cedo e quando não perdem o plantão,então quero dizer, muitos querem ser corretor de imóveis, mais poucos conseguem, pois ser corretor é uma arte.Quero dizer a todos amigos de trabalho.Acredite,lute,pode ter certeza, o ditado é certo, nessa profissão quem planta colhe.Um grande abraço Daniel Branco corretor de imóveis.

    • Olá Luis Daniel,

      Obrigado por seu envolvimento em nosso blog e por nos possibilitar esta importante reflexão. Hoje, tão desafiante quanto o papel do corretor é também o papel do líder, pois além de ter que dar conta de suas próprias atividades, o líder deve inspirar e provocar a equipe a dar o seu melhor sempre.

      Estamos diante de um cenário de constantes evoluções, no qual a cada dia surgem novos produtos, novas formas de se relacionar com o cliente e um comportamento diferenciado do consumidor frente a estas mudanças.

      Diante disso, a realização de um bom trabalho em equipe ganha cada vez mais importância e esse trabalho vai além da união de pessoas destinadas à execução de determinada tarefa e pressupõe a presença de profissionais verdadeiramente engajados com uma meta comum. Por isso, construir uma equipe engajada é um dos grandes desafios do líder da atualidade.

      Compartilho com você algumas reflexões que poderão ajudá-lo nesta importante missão de provocar novos comportamentos em sua equipe.

      Qual a importância do líder no planejamento e execução das suas tarefas? – http://iimob.me/gk

      Quais são os requisitos para ser um gestor de sucesso? – http://iimob.me/lt

      6 princípios para construir uma equipe dos sonhos – Parte 1 – http://iimob.me/1kb

      6 princípios para construir uma equipe dos sonhos – Parte 2 – http://iimob.me/1mh

      Como motivar minha equipe? Parte I – http://iimob.me/5o

      Como motivar minha equipe? Parte II – http://iimob.me/dq

      Desejo muito sucesso nesta sua missão e que você possa compartilhar conosco novas experiências bem sucedidas com a sua equipe.

      Abraços.

  32. Leonardo Alvarenga disse:

    Bom dia,
    Gostei do seu texto, estou procurando informações sobre essa profissão. Trabalho em uma empresa de construção civil, sou técnico em edificações e recebi um convite para fazer o curso do creci e entrar em uma grande empresa de lançamentos imobiliários do Rio de Janeiro. Apesar de não ter experiencia não sei se seria uma boa largar a minha profissão para começar em um meio diferente, abrir mão em trabalhar de carteira assinada para ter um emprego autônomo, não ganho muito bem, mas tenho uma estabilidade e uma segurança.
    Tenho 20 anos.
    O que acha? Seria uma boa começar agora ? Sera que seria bom?

    • Olá Leonardo, tudo bem?

      Obrigado pela confiança e por compartilhar conosco um pouco dos seus projetos.

      Não posso lhe responder se você deve ou não investir na carreira de corretor de imóveis, pois esta é uma decisão pessoal que deve ser fruto de uma análise cautelosa, pois uma mudança de profissional implica uma séria de questões das quais devemos estar preparados para nos adaptar.

      Contudo, posso lhe dizer que a carreira de corretor de imóveis é bastante promissora para aqueles profissionais que se empenham em tornar-se referência para o mercado. Isto inclui planejamento, capacitação, persistência, foco, paciência e principalmente gostar de trabalhar com pessoas e gostar do mercado imobiliário.

      Você é bem novo e pode pensar com calma sobre a possibilidade de se inserir nesta profissão. A idade, contudo, não é um fator limitador para se tornar um corretor de imóveis de sucesso. O sucesso depende muito mais da sua força de vontade, do envolvimento com o mercado e do desejo de querer dar sempre o seu melhor.

      Espero que estas observações possam lhe ajudar. Depois compartilhe conosco a sua decisão.

      Um forte abraço.

      Juntos somos fortes!!!

  33. Jorgeane disse:

    Olá para todos! Estou me preparando para inicar o curso de TTI. Mas ja vejo um problema futuramente, que é o Estagio obrigatorio. Aqui na minha cidade nao possui se quer um corretor de imoveis, pra que eu possa fazer esse estagio. Estou preocupada, talvez, só por causa do relatorio de estágio nao posso conseguir o registro do CRECI…Por favor se alguém tem uma opiniao de como conseguir fazer este estagio sem ter que mudar de cidade me falem por favor…abraço…

    • Olá Jorgeane,

      O estágio é uma etapa fundamental no processo de aprendizagem e formação do corretor de imóveis. É por meio dele que você terá condições de se aproximar mais do mercado e assim aprender na prática o que é o ser um corretor de imóveis, os desafios que isto envolve e as oportunidades que a profissão oferece.

      Verifique se há imobiliárias próximas a sua cidade que atuem na sua região ou em locais mais próximos à sua residência. Assim você poderá analisar as oportunidades de estágio sem necessariamente ter que se mudar.

      Procure também pelo Creci ou Sindicato dos corretores de imóveis da sua região, é provável que eles possam lhe orientar melhor sobre estas especificidades da sua área de atuação.

      Abraços e sucesso!

  34. Guilherme Dias disse:

    Bom Dia Guilherme, primeiramente gostaria de te parabenizar pelo ótimo trabalho que vem fazendo no Blog e aproveitar a oportunidade para pedir uma opinião sua que já está na área a um bom tempo.
    Então, atualmente eu tenho um emprego fixo, com um salário +- 2.500 R$, recebi uma proposta de uma imobiliária grande e conhecido no Brasil, só que como todos sabem não tem fixo e todas as despesas é por minha conta, não tenho experiência nessa área, estaria começando o curso de TTI que a imobiliária iria me pagar, pois bem, você acha que é muito arriscado eu sair desse meu emprego com esse salário para arriscar nessa área ?muitas pessoas me dizem que eu estaria cometendo uma loucura saindo do meu serviço com um salário garantido pra ir para um que ninguém sabe quanto vou ganhar, qual seu ponto de vista sobre isso? OBS: sempre tive interesse nesse ramo.
    Muito Obrigado desde já.

    • Olá Guilherme, tudo bem?

      Esta é uma pergunta que muitos profissionais têm me feito ultimamente e a minha resposta é sempre mesma: investir ou não na carreira de corretor de imóveis é uma decisão pessoal que deve ser feita com muita cautela.

      Apenas você poderá responder se é uma boa ou não trabalhar com o mercado imobiliário.

      Porém, o que posso lhe afirmar é que a carreira é bastante promissora, porém é repleta de desafios. Neste sentido, é necessário muito planejamento, qualificação, foco, persistência, conhecimento de mercado e estudo contínuo.

      Os resultados vêm, mas depois de um período de médio e longo prazo, portanto, se você realmente optar por investir no mercado imobiliário é importante ter uma boa reserva financeira para honrar com os seus compromissos, uma vez que o setor exige um grande envolvimento tornando-se bastante complicado conciliar duas atividades.

      Avalie com calma, pondere os desafios e oportunidades que estão à sua frente e somente após este exercício tome a sua decisão. Desejo muito sucesso e que você possa compartilhar conosco importantes experiências.

      Juntos somos fortes!!!

  35. ricardo disse:

    Ola Guilherme tudo bem!!

    Sou corretor,e confesso ue o mercado está bem dificil nesses 4 meses que não vendo,gostaria de te fazer uma pergunta:qual é a sua formação universitária??eu já tenho uma formação superior e gostaria de cursar direito,mas está muito difícil de entrar em outra faculdade,tambem não tenho mais o mesmo pique,gostaria mais de investir o pouco que tenho de tempo e dinheiro em cursos quem sabe uma pós mais na na área de corretagem,gostaria de saber sua formação universitária e se voce acha que a pessoa sendo formada em direito conta muito assim para a acorretagem,ou voce pode ser um otimo corretor sem ser formado em direito abraco ricardo

    • Olá Ricardo, tudo bem?

      Sou formado em administração e esta formação contribui muito para a minha atuação no mercado imobiliário. Tento, na medida do possível, aplicar os conhecimentos adquiridos na graduação no meu dia a dia.

      Do mesmo modo, acredito que a formação em direito lhe garantiria um plus na sua atuação de corretor. Contudo, ter o ensino superior não é o principal quesito para ser um corretor de sucesso. Tudo vai depender do engajamento dedicado ao desenvolvimento da profissão. Você pode adquirir uma melhor capacitação, sem necessariamente ter que investir em uma faculdade.

      Neste sentido cursos ou palestras mais específicos para os corretores e que contam com um investimento menor tanto financeiro quanto de tempo seriam importantes aliados para o seu desenvolvimento.

      Esteja sempre à vontade para interagir conosco, tirar dúvidas ou sugerir temas.

      Juntos somos fortes!!!

  36. Olá, tudo bem!

    Comecei a trabalhar numa Imobiliária há pouco tempo, no setor de telemarketing. Estou me adaptando bem por sinal. Tenho contato direto com os corretores da empresa, na qual está me despertando interesse em me envolver na área. O curso superior no qual exerço é totalmente divergente do ramo. Então, pensei em trancar o meu curso e fazer o TTI para trabalhar como Corretora de Imóveis; o que realmente tenho em vista é uma profissão que me dê retorno financeiro de imediato. Sei que todas no início tem suas dificuldades, mas também vejo que sempre tem clientes para os corretores. O que realmente desejo saber, é se o retorno para corretor é tão breve o quanto penso!?
    Conto com a sua experiência para esclarecimentos.
    Att. Ana Carolina

  37. [...] entrei para o mercado imobiliário, foi uma grande transformação. Confesso que me assustei, e, sobretudo, me entusiasmei com minhas primeiras comissões. Durante um [...]

  38. [...] enquanto profissional do mercado imobiliário. Hoje, de uma forma especial, me peguei lembrando o início da minha carreira e é impressionante ver como o setor evoluiu nestes últimos [...]

  39. nadja rocha disse:

    Olá tudo bem?

    Congratulações pelo seu site, mui interessante e de grande valia aos corretores de imóveis. Estou iniciando na profissão, tenho 5 meses e ainda estou, digamos atrapalhada. São inúmeros assuntos portanto pretendo escolher uma área para especialização. Estou em dúvida entre imóveis para investimentos do tipo hoteleiro ou imóveis para comercialização de negócios.Comecei vendendo por acaso um motel, depois apareceu outro cliente solicitando que eu comercializasse uma padaria, depois outro uma lanchonete. Achei interessante.O que você acha? Posso seguir os dois ou devo optar por uma única área? Me fale a respeito. Obrigada e abraço grande.

    • Olá Nadja, tudo bem?

      Você pontua alguns dos elementos que acredito serem o mais interessantes da nossa profissão: a diversidade e o dinamismo. Cada dia temos a oportunidade de fazer algo novo, nenhum atendimento é igual ao outro.

      Oriento que você estude melhor o seu mercado e veja quais são as áreas promissoras e, sobretudo, com as quais você mais se identifica. Isso é fundamental, pois o nosso comprometimento e motivação variam muito de acordo com a familiarização que temos com o nosso trabalho.

      Portanto, esta decisão entre investir ou não em uma única área deve ser tomada a partir desta reflexão e estudo do mercado e é apenas você que terá condições de fazê-la. Todavia, independente da sua escolha, lembre-se que o mercado imobiliário exige planejamento, engajamento e foco, estes elementos são a garantia do seu sucesso.

      Juntos somos fortes!!!

  40. Janaina Santos disse:

    Guilherme, Boa Tarde !

    Estou entrando no ramo imobiliario agora, porem não tenho carro para levar os clientes para ver um imovel e etc, isto me preocupa. Como devo lidar com isto ?

    • Olá Janaina, tudo bem?

      Realmente ter um automóvel colabora muito para um bom desenvolvimento do trabalho do corretor. Contudo, o fato de ainda não possuir um carro não pode ser um impeditivo para o seu sucesso.

      Existem algumas possibilidades para contornar esta situação. Você pode combinar com o cliente de encontrá-lo direto no local do imóvel ou ainda combinar de ir com cliente no carro dele. Você também pode fazer uma parceria com colegas para pegar o carro emprestado no momento de necessidade. Tudo vai depender dos relacionamentos que você construirá.

      Juntos somos fortes!!!

  41. Chris disse:

    Olá Guilherme, não estou na área de corretor, mas tenho o desejo de entrar,fui em algumas entrevistas, porem em uma dessas só me pediram para começar o curso e já entraria no ramo e outra que eles mesmo bacão o curso. Não entendo muito e tenho medo de entrar na imobiliária errada, sei que tem muitas por ai que tem mas para nos oferecer,por isso procuro pessoas experientes para sempre me informar melhor!
    Grata

    • Olá Chris, tudo bem?

      Pesquisar e estudar o seu mercado são os melhores caminhos para identificar se a imobiliária é de confiança e vencer estes medos que impedem a sua inserção na carreira.

      Pesquisa, converse com outros profissionais, procure pelo sindicato e pelo conselho de corretores de imóveis da sua região. Reúna o máximo de informações que lhe dê segurança para investir no mercado imobiliário.

      Vamos quebrar as regras!!!

  42. Cidinara disse:

    Olá , sou estudante de direito da UNIFOR , aqui em Fortaleza -ce ,estou no 6° semestre e tenho tido muito interesse na área imobiliária, estou pensando seriamente em fazer o curso , e seguir no ramo do direito imobiliário , mas sou nova tenho 19 anos e me preocupo se quando for atras de emprego vão ter preconceito por eu ser mulher e aparentemente inexperiente ,além de não ter carro ainda ,q ajuda muito ,aqui no litoral nordestino essa área esta crescendo muito .Gostaria de uma opinião se devo seguir ja q estou na faculdade isso pode me ajudar muito , e se existe preconceito no ramo , pq infelizmente muitas areas ainda existe .

    desde já obrigada pela atenção .
    Cidinara Amaral

    • Olá Cidinara,

      Os desafios em uma nova carreira vão existir independentes de idade ou sexo. O diferencial estará em suas atitudes e no quanto você estará empenhada em consolidar uma carreira de sucesso.

      Portanto o seu sucesso no mercado imobiliário estará diretamente ligado ao seu comprometimento, foco, planejamento e estudo do mercado. Com estes elementos ficará mais fácil ter as atitudes necessárias para vencer estas dificuldades.

      Compartilho com você algumas reflexões que poderão ajudá-la a discernir melhor sobre este momento de escolhas, afinal, a decisão de investir ou na carreira deve ser pessoal e fruto de uma profunda análise.

      Quero ser corretor de imóveis: o que fazer? – http://iimob.me/4yw

      Quero ser corretor de imóveis: é uma boa opção investir na carreira? – http://iimob.me/55g

      Quero ser corretor de imóveis: quanto vou ganhar? – http://iimob.me/57k

      Juntos somos fortes!!!

  43. BRUNA disse:

    OLA ESTOU PESQUISANDO AINDA SE FAÇO OU NÃO O TTI,PELO OQUE ESTOU PESQUISANDO A PROFISSÃO E BEM INTERESSANTE, MAIS ESTOU COM DUVIDAS SOBRE COMO FUNCIONA O ESTAGIO SE É REMUNERADO OU NÃO.

    • Olá Bruna, tudo bem?

      Esta é uma dúvida que muitos profissionais hoje têm em relação ao mercado imobiliário. E foi pensando nisso que desenvolvi a Websérie quero ser um corretor de imóveis. Compartilho alguns posts com você que poderão ajudá-la a encontrar as respostas para suas perguntas:

      Quero ser corretor de imóveis: o que fazer? – http://iimob.me/4yw

      Quero ser corretor de imóveis: é uma boa opção investir na carreira? – http://iimob.me/55g

      Quero ser corretor de imóveis: quanto vou ganhar? – http://iimob.me/57k

      No que diz respeito ao estágio, esta é uma prática que deve ser negociada diretamente com a imobiliária, pois cada empresa tem a sua política.

      Juntos somos fortes!!!

  44. Alessandra disse:

    Olá Guilherme!

    Estou iniciando nesta carreira, mas já tenho seis meses de atuação e até hoje não vendi nada, chego ate me perguntar se é possível!estou trabalhando com um corretor experiente , me dedico muito, não sou da cidade em que estou atuando, moro aqui há 01 ano e meio, então tenho que explorar bastante a cidade para conhecer os imóveis, faço isso com prazer, meu relacionamento com o cliente é muito bom(já ganhei até presente da minha cliente pela paciência e dedicação), mas as vezes fico perdida , a maioria dos cliente querem aquela oportunidade, encontrar imóveis com determinadas características, naquele bairro , com aquele preço, mas…que é quase impossível , é normal essa situação??? sei que tenho bastante a aprender! só no quero perder as esperanças, acreditar que é possível.

  45. Cleiton de Souza Silva disse:

    Bom dia !

    Eu sou Policial Militar e ultimamente me interessei muito na profissão de corretor de imóveis. A minha escala de trabalho é bem tranquila, com isso eu tenho dias e horários disponíveis bem flexíveis para realizar uma atividade secundária. Gostaria de saber se daria para eu exercer a profissão de corretor autonomo, mesmo tendo uma outra profissão?

    • Guilherme Machado disse:

      Olá Cleiton,

      Recebo esta pergunta com muita frequência. Muitos profissionais de outras áreas estão vendo no mercado imobiliário a oportunidade de melhorar sua fonte de rendas.

      É possível sim exercer a profissão de corretor autônomo, mesmo tendo outra ocupação, contudo, esta não é a prática que lhe indicaria. Conciliar duas carreiras já é um grande desafio e quando a primeira ou segunda opção é a corretagem imobiliária, este desafio é ainda maior, pois pode ter a certeza, em alguma das duas profissões você irá deixar a desejar.

      Ser um corretor de imóveis exige dedicação, envolvimento, comprometimento, planejamento, persistência e uma excelente gestão do tempo.

      Oriento que antes de você tomar uma decisão que pesquise um pouco mais sobre a profissão no mercado imobiliário e até mesmo sobre as suas possibilidades ascensão no emprego atual, esta reflexão é fundamental para que suas escolhas sejam mais assertivas. Porém, independente do que decidir, desejo muito sucesso. Saiba que estaremos sempre à disposição para ajudar no que estiver ao nosso alcance.

      Juntos somos fortes!!!

  46. Nina disse:

    olá!
    Parabéns pela sua trajetória! realmente é inspirador.
    Eu estou muito interessada em entrar no mercado imobiliário, porém, moro nos EUA! você tem algum conhecimento a respeito da profissão aqui? apesar da crise, os americanos e até mesmo brasileiros continuam investindo, por isso que pensei em mergulhar nessa profissão! gostaria de dicas, você tem amigos que estão atuando no ramo aqui? o que vc acha? obrigada pela atenção!

    • Guilherme Machado disse:

      Olá Nina,

      tenho algumas informações mais gerais sobre o mercado internacional, pois o meu foco é o mercado brasileiro. Portanto, oriento que você estude mais sobre o mercado americano, converse com outros profissionais do setor, entenda a dinâmica, os desafios e as oportunidades da realidade local. Reúna o máximo de informações que lhe deem segurança para tomar suas decisões.

      Agradeço a sua participação e importante feedback.
      Juntos somos fortes!!!

  47. Olá Guilherme,

    Parabéns pelo texto, motivou muito.

    Um pergunta, tenho empresa, tenho creci fisico, e gostaria de virar imobiliaria, o tempo para sair o creci juridico é de 3 meses aqui no RJ, teria como eu atuar somente com algum protocolo de entrada no creci durante este tempo? Ou terei que esperar os 3 meses para comecar a atuar e ser remunerado como imobiliaria?

    Obrigado.

    • Guilherme Machado disse:

      Anderson,

      Oriento que busque pelo Creci da sua região. Lá você poderá esclarecer a sua dúvida de forma mais assertiva e segura.
      Juntos somos fortes!!!

  48. [...] E quando falamos de mercado imobiliário, temos que ter uma atenção ainda maior, colega corretor de imóveis, pois estamos em um segmento diferenciado de [...]

Deixe um Comentário


× 9 = setenta dois