Corretores usam redes sociais e aplicativos para vender e negociar novos imóveis

Foi-se o tempo em que os corretores de imóveis andavam com uma pasta embaixo do braço, com panfletos e espelhos de venda, e ficavam atrás das mesas atendendo telefonemas. Hoje, o corretor moderno conta com diversas ferramentas digitais para potencializar as vendas e sobretudo o relacionamento com o seu público. Redes sociais e aplicativos como o WhatsApp, Facebook e o bate-papo 24 horas fazem parte do dia a dia de qualquer corretor e são essenciais para a concretização de negócios.

Segundo o consultor imobiliário Guilherme Machado, estas novas tecnologias passaram a ser usadas após o processo de popularização do acesso à internet. Nisso, o comportamento do consumidor também mudou. “Com plataformas de fácil utilização, o ambiente online proporciona um contato rápido entre o cliente e o profissional da intermediação”, diz.

O corretor, que faz palestras sobre o mercado imobiliário por todo país, revela que um dos principais benefícios do uso de ferramentas virtuais está na flexibilidade na forma de atendimento. “O atendimento através da web é uma estratégia de relacionamento e, consequentemente, um catalisador de novos negócios. O cliente pode estar em qualquer lugar, realizando até outras tarefas ao mesmo tempo em que faz a pesquisa sobre o imóvel”, afirma.

Para o diretor de marketing da Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário da Bahia (Ademi-BA) José Azevedo, as novas ferram
entas online são essenciais não só para os corretores como para as próprias incorporadoras. “Além de alcançar desde a classe A até a classe E, estas dão um retorno imediato. Não são ‘algo a mais’, são uma necessidade”, garante ele, que também é proprietário da Ello Imobiliária.

Segundo Azevedo, cerca de 75% do público que adquire imóveis hoje transita previamente por redes sociais. No caso dos jovens de 25 a 30 anos, este percentual sobe para 85%. “A internet ajuda tanto as empresas e corretores quanto os próprios clientes, que já conseguem fazer desde simulações da compra, até tours virtuais pelos empreendimentos”, complementa.

Além das ferramentas mais comuns, ele cita o Periscope, aplicativo do Twitter que permite que usuários façam transmissões de vídeo em tempo real, como uma opção para quem quer aumentar as vendas de empreendimentos.

Facilidade
Com uma loja virtual desde 2001, a MRV Engenharia, por exemplo, tem como principal forma de contato do site o chat online, que conta com cerca de 200 atendentes. Na web, a empresa também utiliza o Facebook, que a ajuda a alavancar as vendas. “Hoje, os negócios que passam pela internet – seja por Facebook, aplicativos ou site – já são mais de 40% do total de vendas da companhia”, afirma a coordenadora de Marketing Digital da MRV, Fabiana Afonso.

Supervisor do atendimento online na filial da MRV do Centro Empresarial Iguatemi, Fernando Vitor Cunha, 37 anos, utiliza a tecnologia como aliada de vendas desde 2009. “O atendimento através das redes sociais possibilita um fluxo de informação muito mais dinâmico, encurtando o período necessário para se fazer as negociações”, conta.

Lançado recentemente, o atendimento via WhatsApp é o principal meio de comunicação da filial com o cliente. “Ele é o preferido, principalmente por permitir a possibilidade de resposta posterior e não imediata”.O “zap zap” também está entre os aplicativos queridinhos do corretor de imóveis Gabriel Nunes, 30. Além deste, o profissional utiliza o Facebook. “É muito mais cômodo para as pessoas e para nós”.

Nunes utiliza as redes para se relacionar com clientes antigos. “Relacionamento é fundamental, justamente porque as pessoas vão indicando. Algumas vezes desejo uma ótima semana, outras vezes ofereço alguma oportunidade, faço ações bem variadas”, diz.

Há 37 anos no mercado imobiliário, o atual 2º vice-presidente do Conselho Regional dos Corretores de Imóveis (Creci-BA), José Alberto de Vasconcelos, nota uma grande mudança no mercado no que tange ao relacionamento com o cliente. “Hoje, o corretor que fica atrás da mesa esperando uma ligação se dá mal. As mídias sociais estão prevalecendo, mas é preciso ter parcimônia no uso. Se você não cuidar, pode dar um  tiro no pé”.

Por isto, inclusive, ele contratou um profissional para coordenar as diversas mídias sociais da empresa da qual ele é dono, a José Alberto Imóveis. São mais de 8 mil curtidas apenas no Facebook e de 6 mil a 7 mil acessos mensais no site. “A  gente trabalha de uma forma mais institucional nas redes, fazendo pouquíssimos anúncios. Nosso objetivo é fazer relacionamento e induzir as pessoas a ir para o site – lá temos todas as ofertas”.

Cuidados
Segundo o sócio-diretor da COM Inteligência Digital e da PaperCliQ Comunicação e Estratégia Digital, Marcel Ayres, por mais que as ferramentas digitais possibilitem maior interação com o público, as empresas e os corretores devem tomar cuidado para não agir de forma intrusiva com os usuários. “Estes canais, a priori, não são espaços de publicidade e, sim, ferramentas de relacionamento. Logo, a estratégia deve levar em consideração, sempre, as características e apropriações do meio”, recomenda.

As dicas de etiqueta do especialista em marketing digital valem para qualquer tipo de venda através das novas tecnologias virtuais. “O uso deve respeitar, sempre, a vontade e a privacidade dos usuários, evitando práticas intrusivas como, por exemplo, o Spam”, diz Marcel.

O especialista Guilherme Machado ressalta que todo trabalho feito através de ferramentas online deve ser planejado. “No momento do atendimento, o corretor está em seu espaço profissional e, como tal, deve se comportar. Nada de abreviações, gírias ou erros gramaticais. Construa um relacionamento, envolva o cliente e saiba explorar o ambiente digital”.

—-

Post originalmente publicado em Correio 24 horas

Assine nossa NEWSLETTER e receba conteúdo diário no seu e-mail

Inscreva-se também em nosso CANAL NO YOUTUBE

SOBRE O AUTOR

Redação GuilhermeMachado.com Equipe de conteúdo do blog GuilhermeMachado.com. Especializada em levar até você as principais notícias do mercado imobiliário. Aproveite!

Deixe seu comentário!